Textinhos pretensiosos e malescritos...

Eterno enquanto dure

Eu tenho inveja de casais separados que permanecem amigos.

Acho que nunca tive muito o sonho de me casar apenas uma vez, envelhecer ao lado da companheira e dividir uma vida inteira com ela.

Meu sonho atual é ser amigo das ex-mulheres.

Quando um relacionamento não acaba em traição ou filhadaputice, é claro!

Porque se você casou com uma pessoa, viveu com essa pessoa, há o mínimo de amizade, companheirismo, compatibilidade, confidência...

Vejo muitas pessoas que tendem a querer separar amor de sexo de amizade de paixão de trabalho de vida pessoal quando tudo isso anda muito junto.

Não que você deva sair transando com a mina ou o cara do trampo, mas que você é um só. Você é a soma de todos esses fatores. Você é o resultado de todas essas experiências. Querer separar tudo isso é ir ligando chavinhas aos poucos de cada fase, sem se expor.

"Agora que já transamos e ele(a) não me abandonou, posso me apaixonar." E por aí vai.

Se dá pra ir construindo um relacionamento seletivamente, não dá pra desconstruí-lo assim também?

Desliga a chave do sexo, do amor, da paixão. Mas vocês ainda vão compartilhar aquela banda favorita, destino de viagem, gosto culinário, visão política, irritações, etc. Ainda dá pra ser amigo, não dá?

Se você tem que provar pro outro que não precisa dele, que já superou, na verdade você precisa provar é para si mesmo.

Acho que se eu me casar, me separar e for amigo da minha futura-ex-mulher, serei mais feliz.


Ps: nunca releio meus textos. Como saiu, de uma vez, publico. Por isso são textos pretensiosos e "malescritos".
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat.
Verídico

1 comentários:

Carol disse...
11 de janeiro de 2011 08:15

eu tbm não sei ser amiga de ex, mas ainda ñ defini o qto isso é bom ou ruim.

Postar um comentário